‘Alma’ encontra boa alegoria para o luto, mas se embaraça em exagero mitológico

2022/11/02

A história mostra duas amigas que são muito afetadas pela perda da moça pela qual formavam um trio, elas se juntam numa viagem de ônibus que tem um destino trágico. Ocorre um acidente no alto de uma montanha que mata na hora quase todos os passageiros. Então, o véu que separa o mundo dos vivos do mundo dos mortos cai por um minuto e mostra o quanto nós não estamos seguros nem mesmo existindo em outros planos. É dessa maneira que conhecemos a vida de Alma (Mireia Oriol), uma jovem que tenta superar a morte e se vê diante de um segundo luto. Alma se esquece de quem era, e a série a coloca numa caminhada de recuperação de sua memória e ao mesmo tempo de descobrir por que, após o acidente, muitas coisas estranhas começam a ocorrer.

Alma

O roteirista do enredo é Sérgio G. Sánchez, um profissional de alguns sucessos como: O Impossível (2012) e O Orfanato (2007). ’Alma’ traz questões de luto e espiritualidade, e o roteiro tem alguns elementos apocalípticos para sustentar uma mitologia, numa construção de mundo que flui juntamente com a resolução do mistério.

A série busca em todos os seus 9 episódios o equilíbrio entre a caminhada de Alma e o desenrolar que segue dessa construção de mundo. A direção trabalhou para fazer com que todos os detalhes da história mitológica sejam compreendidas, porém não consegue evitar o estranhamento provocado por uma sequência emocional sendo quebrada com aparições bem mal feitas de demônios e assombrações. Mas como toda produção tem também seu lado positivo, com essa não é diferente.

O que acontece com a protagonista, faz a série ganhar dimensão. O discurso do luto se estabelece metaforicamente como vantagem. No primeiro capítulo por exemplo, existe alguns desdobramaentos mostrando os reflexos de Alma e Deva de uma maneira muito bonita, porém nem um pouco clara. Mas o que nos aguarda em parte da resolução deste grande mistério é mais interessante e atrativo do que dá para imaginar.

Parte 2 da trama

Nem tudo no filme gira em torno destas questões de morte, reencarnação, possessão e outros temas. Privada da vida e do processo normal da morte, a protagonista enfrenta algumas das questões existenciais relevantes que dão mais beleza a narrativa.

Veredicto

O filme tem seus pontos positivos citados neste artigo, porém decide abraçar infelizmente uma embaralhada trama apocalíptica e mitológica, que encobre os significados grandiosos da narrativa. Torcemos para que a série ‘Alma’ retorne compreendendo a ‘força de seu espírito’.

Qual o app igual a Netflix grátis? Você sabe? É o Youcine! Baixe ele em seu android Smart TV ou TV Box para assistir a filmes , séries e muito mais grátis! Aproveite já!

Top 3 Filmes de Faroeste

Com início nos anos 40, o gênero faroeste tomou conta do cinema por mais de 30 anos. Ainda hoje, o gênero tem muitos fãs por todo o mundo. Por isso vou mostrar aqui uma lista para vocês assistirem no aplicativo gratuito Youcine.

  • O Regresso (2015)
  • Dança dos Lobos (1990)
  • Django Livre (2012)

1. O Regresso (2015)

Hugh Glass (Leonardo DiCaprio) parte em direção o oeste americano para ganhar dinheiro caçando. Atacado por um urso, fica seriamente ferido e é abandonado à própria sorte pelo parceiro John Fitzgerald (Tom Hardy), que ainda rouba seus pertences. Entretanto, mesmo com toda adversidade, Glass consegue sobreviver e comça uma árdua jornada em busca de vingança.

O Regresso (2015)

2. Dança dos Lobos (1990)

John Dumbar coloca em prática uma estratégia de guerra que inclui uma aproximação não violenta com índios Sioux. Nesse período duro da Guerra Civil Norte-americana, os nativos acham curiosa a amizade do militar com um lobo.

3.Django Livre (2012)

Django (Jamie Foxx) é um escravo liberto cujo passado brutal com seus antigos proprietários leva-o ao encontro do caçador de recompensas alemão Dr. King Schultz (Christoph Waltz). Schultz está em busca dos irmãos assassinos Brittle, e somente Django pode levá-lo a eles. O pouco ortodoxo Schultz compra Django com a promessa de libertá-lo quando tiver capturado os irmãos Britle.

Django Livre (2012)

Ao conseguir realizar seu plano, Schultz libera Django, embora os dois homens decidam continuar andando juntos. Desta vez, Schultz busca os criminosos mais perigosos do sul dos Estados Unidos com a ajuda de Django. Dotado ede um talentoso caçador, Django tem como objetivo primordial encontrar e resgatar Broomhilda (Kerry Washington), sua esposa, que ele não vê desde que ela foi adquirida por outros proprietários, há muito tempo.

A busca de Django e Schultz leva-os a Calvin Candie (Leonardo DiCaprio), o dono de “Candyland”, uma plantação famosa pelo treinador Ace Woody, que treina os escravos de lá para a luta. Ao explorarem o local com identidades falsas, Django e Schultz chamam a atenção de Stephen (Samuel L. Jackson), o escravo de confiança de Candie. Os movimentos dos dois começam a ser trilhados, e uma perigosa organização fecha o cerco em torno de ambos. Para Django e Schultz conseguirem escapar com Broomhilda, eles terão que escolher entre sacrifício e sobrevivência

guest
0 COMENTÁRIOS
Inline Feedbacks
View all comments